Sempre e tanto…

So close no matter how far, Couldn’t be much more from the heart…
Forever trusting who we are and nothing else matters!!!

Never opened myself this way, life is ours, we live it our way.
All these words I don’t just say, and nothing else matters!!!

“Trust I seek and I find in you”, every day for us something new!
Open mind for a different view, and nothing else matters!!!

Never cared for what they do, never cared for what they know.
But I know… nothing else matters!

Vai sim, vai ser sempre assim, a sua falta vai me incomodar! E quando eu não agüentar mais vou chorar baixinho pra ninguém ouvir...

Deveria ter dito naquele primeiro dia que tenho apenas dois olhos castanhos, alguns centavos no bolso e todo o amor no meu peito bordado pra ti (e por ti).
Deveria ter confessado que sabia amar pouco, pouquinho mesmo. Uma coisa rasa. Que nem cosquinha fazia, entretanto quando tu chegaste nunca mais nada foi assim.
Deveria ter falado que desde daquele momento eu sabia que seria esse compartilhar de amor rotineiro do qual nós dois somos responsáveis.
Deveria não ter omitido que sou sentimento.
(sentimento bonito por teus dois grandes olhos verdes-esperança).
Não existem pétalas sem orvalho após uma noite chuvosa, muito menos meu coração sem teu nome pulsando dentro dele.
Deveria ter gritado quando tu perguntaste sobre a eternidade:
– Ficas comigo pra sempre?
Mas a verdade é que eu sabia que tu aceitarias prontamente o meu pedido.
E eu estenderia com uma das mãos um ramalhete de girassóis ainda fechados, com a outra mão te prenderia entre meus dedos e cantarolaria baixinho em teu ouvido:
“- E eu que era triste, descrente desse mundo… ao encontrar você, eu conheci o que é felicidade, meu amor…”.
PSI: ” – trecho da linda canção do Tom.” : )

Amor, meu grande amor… O último e o primeiro!

Se eu tivesse a força que você pensa que eu tenho eu gravaria no metal da minha pele 0 teu desenho… Não se pode escolher...

Olá, helli, t’es A… Moi Lolita

{whistle}

Always Look On The Bright Side Of Life – Monty Python

Some things in life are bad
They can really make you mad
Other things just make you swear and curse
When you’re chewing on life’s gristle
Don’t grumble, give a whistle
And this’ll help things turn out for the best
And…
…always look on the bright side of life
Always look on the light side of life
If life seems jolly rotten
There’s something you’ve forgotten
And that’s to laugh and smile and dance and sing
When you’re feeling in the dumps
Don’t be silly chumps
Just purse your lips and whistle – that’s the thing


And… always look on the bright side of life

Come on!
Always look on the bright side of life
For life is quite absurd
And death’s the final word
You must always face the curtain with a bow
Forget about your sin – give the audience a grin
Enjoy it – it’s your last chance anyhow
So always look on the bright side of death
Just before you draw your terminal breath
Life’s a piece of shit
When you look at it
Life’s a laugh and death’s a joke, it’s true
You’ll see it’s all a show
Keep ‘em laughing as you go
Just remember that the last laugh is on you
And always look on the bright side of life
Always look on the right side of life
Come on guys, cheer up
Always look on the bright side of life…
Always look on the bright side of life…
Worse things happen at sea, you know

Always look on the bright side of life…
I mean – what have you got to lose?
You know, you come from nothing
– you’re going back to nothing
What have you lost? Nothing!
Always look on the bright side of life…
Came on… Always look on the bright side of life…

Depois dos 18

Aos 19 anos todo amor é infinito, denso, dramático, irrevogável. Te deixa nas nuvens, te rebaixa ao inferno, por qualquer negativa, pelo menor sopro de ciúmes.

E depois dos 18 tem aqueles que não contabilizam os anos, porque sempre todo amor é infinito, denso, dramático, irrevogável. Te deixa nas nuvens, te rebaixa ao inferno, por qualquer negativa, pelo menor sopro de ciúmes… Independente da idade!

[cuide-bem-do-seu-amor-seja-quem-for]