Arcano 6

A Rainha de Paus

Arcano 63 do Tarot – A rainha de paus

Manutenção da fidelidade para com seus objetivos e ideais, por mais que todas as outras pessoas insistam para que você tome outros caminhos.

A lealdade para consigo é condição fundamental para o sucesso e, por mais que você chegue a ter dúvidas de que irá conseguir, terminará obtendo o desejado – talvez não da maneira como você imaginava, mas de uma forma altamente satisfatória.

Na vida várias pessoas tentarão lhe convencer a abandonar seus caminhos, mas, ainda que você tenha de assumir uma postura não tão simpática, mantenha-se fiel ao seu desejo e a si mesmo.

Conselho: Manter a persistência é fundamental.

Anúncios

Do tarot…

A felicidade que parece acabar não é nem de longe a felicidade que está destinada a você. O feliz presente que precisa ser lhe dado está um pouco mais à frente. Caminhe um pouco mais. No lugar que é realmente seu você ainda não chegou. Encha-se de certeza e vá em frente.

Muitas vezes o odor dos peixes nos inebria e parece mais suave que o perfume das rosas.

Se não houver perdas onde momentaneamente paramos nunca chegaremos ao fim de nossa caminhada. Mesmo a mais fria das estalagens exigem um preço a pagar!

I was hoping,
I was hoping we could heal each other.
I was hoping,
I was hoping we could be raw together.
I was hoping,
I was hoping we could dance together.
I was hoping,
I was hoping we could be creamy together.

Premissa necessária para o renascimento…

A MORTE

A morte é a premissa necessária para o renascimento. Qual pássaro fênix, é a expressão da transformação para melhor. Os ossos são de cor rosa, que é a representação do humano. A foice deixou no chão cabeça, mão e pé, os quais, mesmo cortados, não perderam a vitalidade, indicando que nada morre completamente. A continuidade está garantida. O homem e suas ideias representadas pela cabeça. Suas ações (pés e mãos) permanecerão mesmo depois que a morte tenha transformado tudo em pó. A morte é chamada de “sem nome” para exorcizar o seu efeito negativo e o tabu que a cerca. Contudo, o número treze, contrariamente ao que todos pregam, não tem nada de nefasto. O arcano somente adquire essa característica para as pessoas que temem as mudanças, sendo altamente benéfico para os que reconhecem a sua necessidade: transformação necessária, final de um ciclo e começo de outro, abandono das ideias e dos hábitos do passado para que sejo aberto o caminho para o futuro. Os ossos espalhados pelo chão não devem ser motivo de preocupação. Os siberianos, depois de consumir a carne da caça, semeavam os ossos, regando-os diariamente para garantir o renascimento e fecundidade. A referência é direta também ao Deus Saturno, que ceifa tudo, nivelando, com sua foice, pobres, ricos, bons, malvados. As flores e folhas entre os ossos garantem a continuidade da vida. O herói Jasão plantou ossos de dragão para obter guerreiros armados. A morte é parte da vida e, por isso, deve ser aceita sem questionamentos.

A carta em pé:

É o arcano do abandono do passado em prol do futuro. Tem a capacidade de transformar e dar movimento. A morte é o despertar interior. É evidente que, junto com o recomeço, vêm também a incerteza e as dúvidas. O recomeço, o rompimento de vínculos, traz a evolução que não pode parar. Qualquer início está marcado por momentos de crise. Novas necessidades trazem transformações radicais, fazendo com a vida dê saltos qualitativos. Os obstáculos, por mais difíceis que sejam, poderão ser vencidos com perseverança e paciência.

A IMPORTÂNCIA DOS SACRIFÍCIOS

A palavra “sacrifício”, é geralmente mal compreendida. As pessoas a associam a algo “ruim”, justamente porque vivemos numa sociedade que valoriza o fácil, que estimula o comportamento preguiçoso. Todavia, esta palavra nasce da união dos termos “sacro” e “ofício”, ou seja, “trabalho sagrado”. Muitas vezes nos vemos em posição de impotência e somos levados a sacrificar alguns sonhos e a entender que, por mais poderosos que sejamos, existem circunstâncias em que simplesmente nada ou pouco podemos fazer.

E surge então a necessidade de cultivar a espera e entender que a impotência é, antes de tudo, uma lição de humildade. Tudo passa e certamente se abrirão a tempos melhores no futuro, e os planos (no momento paralisados) fluirão a contento.

Ref. *arcano XII do Tarot;

O Enforcado

Procure meditar a respeito das coisas que interiormente lhe bloqueiam. E não tenha medo dos sacrifícios, pois eles são momentâneos;

Meu momento – Análise exotérica e psicológica (não que uma coisa tenha a ver com a outra!)



Resultado da minha grafologia:

Elisangela C@font-face { font-family: Tahoma; } @font-face { font-family: Verdana; } @page Section1 {size: 612.0pt 792.0pt; margin: 70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin: 35.4pt; mso-footer-margin: 35.4pt; mso-paper-source: 0; } P.MsoNormal { FONT-SIZE: 12pt; MARGIN: 0cm 0cm 0pt; FONT-FAMILY: “Times New Roman”; mso-style-parent: “”; mso-pagination: widow-orphan; mso-fareast-font-family: “Times New Roman” } LI.MsoNormal { FONT-SIZE: 12pt; MARGIN: 0cm 0cm 0pt; FONT-FAMILY: “Times New Roman”; mso-style-parent: “”; mso-pagination: widow-orphan; mso-fareast-font-family: “Times New Roman” } DIV.MsoNormal { FONT-SIZE: 12pt; MARGIN: 0cm 0cm 0pt; FONT-FAMILY: “Times New Roman”; mso-style-parent: “”; mso-pagination: widow-orphan; mso-fareast-font-family: “Times New Roman” } H1 { FONT-WEIGHT: normal; FONT-SIZE: 10pt; MARGIN: 0cm 0cm 0pt; COLOR: navy; FONT-FAMILY: Verdana; mso-pagination: widow-orphan; mso-style-next: Normal; mso-outline-level: 1; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-bidi-font-family: Tahoma; mso-font-kerning: 0pt } H2 { FONT-SIZE: 9pt; MARGIN: 0cm 0cm 0pt; FONT-FAMILY: Verdana; mso-pagination: widow-orphan; mso-style-next: Normal; mso-outline-level: 2; mso-bidi-font-size: 10.0pt; mso-bidi-font-family: Tahoma } A:link { COLOR: #003399; TEXT-DECORATION: none; mso-text-animation: none; text-underline: none; text-line-through: none } SPAN.MsoHyperlink { COLOR: #003399; TEXT-DECORATION: none; mso-text-animation: none; text-underline: none; text-line-through: none } A:visited { COLOR: purple; TEXT-DECORATION: underline; text-underline: single } SPAN.MsoHyperlinkFollowed { COLOR: purple; TEXT-DECORATION: underline; text-underline: single } DIV.Section1 { page: Section1 }

Você costuma pensar muito bem antes de agir. Qualquer atitude é tomada com muito cuidado. Sua presença é marcante (certamente não passa despercebido quando vai aos lugares) e suas atitudes denotam superioridade. Tem a marca dos intectuais, é educado e afetuoso. Costuma dar preferência a atividades rotineiras e mudanças só ocorrem se você realmente as quiser! Com atitude de poder e autoridade leva a vida e suas atividades (profissionais e pessoais) com afinco inigualável. Nunca se cansa, e se cansar não demonstra, pois não se deixa vencer! …

Minha carta de Tarot:

6 de Paus

É chegado o momento de conquistar algo bastante almejado, a presença do 6 de Paus como arcano conselheiro favorece o triunfo sobre a adversidade e pressagia uma situação específica de triunfo muito em breve. Suas aspirações e objetivos tomarão forma e você sentirá imensa satisfação ao perceber que seus esforços não foram em vão. Você se recordará de uma fase em que agiu de forma realmente insegura e rirá disso. Todas as pessoas, por mais fortes que sejam, passam por momentos de insegurança. Isso não as faz menos fortes. A fraqueza surge apenas quando queremos fazer de conta que não passamos realmente por momentos de dificuldade e posamos de orgulhosos. Pedir ajuda a quem se confia não é má idéia, o grande lance é saber em quem confiar!

Conselho: Confie em si e mande ver!

[ Hoje estou crédula! Acredito na sorte do realejo, no papel de bala e tudo mais que vier!]